Notícias

O problema das pessoas que poupam demais

A cada seis brasileiros, quatro estão endividados, um está financeiramente equilibrado e só um é investidor. O desconhecimento e a desinformação entre a maioria da população é tão grande que ainda há gente que pensa que juros é uma coisa que existe apenas para serem PAGOS aos bancos. Muitos brasileiros nem sabem que alguém que poupa dinheiro pode RECEBER juros pelos seus investimentos.

Dentre os que investem, há uma parcela que sofre da chamada “síndrome de Tio Patinhas”. É aquele sujeito que poupa mais de 30% da sua renda líquida ao mês. Tecnicamente, é uma poupança exagerada. Afinal, o dinheiro existe também para nos proporcionar bem-estar e felicidade, e retendo uma grande parcela do seu ganho, essa pessoa abre mão de aproveitar as coisas boas da vida. Não faz sentido uma opção assim, a não ser em situações bastante específicas e acompanhadas por algum consultor. Preocupar-se com o futuro e a velhice é bastante saudável, mas há que se ter comedimento, senão corre-se o risco de chegar na terceira idade com uma boa poupança, porém sem ter aproveitado praticamente nada da vida quando se era jovem.

Portanto, equilíbrio é a palavra-chave. Um roteiro bem organizado sobre o que fazer com suas economias lhe dará a segurança e certeza que, tanto no futuro quanto numa eventualidade, seu dinheiro estará lá, prontinho para lhe servir.

 

José Mario

Sobre José Mario

José Mario é pós-graduado em Administração e empresário. Foi bancário, árbitro de Tribunal de Mediação e Arbitragem e dirigente de classe empresarial. Especialista em microfinanças, é Orientador em Finanças Pessoais desde 2001, dedicando-se à educação financeira e interessado em tudo o que se relaciona com o assunto. É o editor da Clínica de Finanças, website voltado ao ensino e análise das finanças pessoais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *